Notícias


14/01/2019

Palavra Fraterna


O início de um novo ano é ocasião de renovar a nossa esperança, os nossos propósitos de viver diferente a nossa vida, deixando para trás aquilo que não foi bom, e, ao mesmo, tempo levar conosco o aprendizado que as experiências vividas nos proporcionaram.

 

A vida é um constante aprendizado. A cada ano que passa, adquirimos mais sabedoria. Não podemos ter uma visão míope da nossa vida, senão corremos o risco de avaliá-la somente pela circunstância existencial que estivermos vivendo. A nossa vida é preciosa e devemos avaliá-la pelo seu conjunto. Não podemos ficar presos àqueles momentos ruins e decepcionantes, pensando que, por causa disso, não vale a pena viver ou que vida não tem mais sentido. Ora, os momentos de decepção, de provações e de dor fazem parte da vida, mas, por causa disso, não se pode afirmar que a vida seja uma decepção. Não se pode ignorar o conjunto de todas as experiências da vida, sem reconhecer o que se aprendeu com o passar dos anos.

 

Não obstante às provações da vida, é necessário reler os acontecimentos com o olhar de fé, sob a ótica de Deus para constatar que tudo é graça e dizer como São Paulo: “Tudo concorre para o bem daqueles que amam a Deus” (Rm 8,28). A visão de fé sobre a nossa vida nos permite colher a sabedoria que as experiências da vida nos proporcionam. A fé nos dá um novo horizonte de sentido. Sem este olhar de fé para a nossa história pessoal, fica difícil viver o presente com esperança que dias melhores virão e que um novo ano pode ser melhor do que vivemos até agora. Olhar com esperança para o futuro exige viver com fé o presente e os acontecimentos quotidianos, na certeza de que o Senhor é o Emanuel, isto é, o Deus conosco. Não estamos sozinhos. No entanto, é necessário deixar-nos conduzir por Ele através da sua Palavra que nos orienta e salva.

 

Além disso, quem olha para a própria vida com o olhar de Deus, isto é, com a visão de fé, é capaz de cultivar uma memória agradecida a Deus por reconhecer a sua presença amorosa que nos sustenta e nos faz viver.

 

Enfim, vivamos com fé e esperança este ano de 2019, como um novo ano, não por ser simplesmente uma mudança cronológica, mas uma mudança no nosso modo de viver, assumindo uma vida nova. Sendo assim, desejo a todos que este novo ano seja iluminado pela fé no Deus que se fez um de nós para nos ensinar a viver a verdadeira vida com esperança e caridade, fortalecendo nossas relações de fraternidade como garantia da verdadeira paz. Feliz ano novo!

 

Pe. Danival Milagres Coelho - Pároco