Notícias


20/12/2016

O tempo que passa "Tempus fugit"


   

   

  

  Ontem muitas pessoas compareceram ao Santuário de Nossa Senhora da Piedade para a inauguração do antigo Relógio do Santuário. Um presente do Imperador Dom Pedro II à cidade de Barbacena. Conta-se que ele esteve aqui três vezes, e, numa de suas visitas nos agraciou com este presente.

     Quando soaram as horas todos se lembraram do nobre benfeitor. Por volta das 20h 15min, o bater das horas sinalizou a abertura da Porta principal do Santuário e todos foram acolhidos ao som da Sinfônica Bom Jesus de Matosinhos que nos brindou com um belo concerto musical.

    No tempo do Advento marcado pela alegre expectativa da vinda do Senhor, inauguramos o Relógio do Santuário. Para muitos ele pode evocar somente o tempo na sua voracidade ou o corre corre da nossa existência em meio aos trabalhos, lutas, alegrias e desafios, mas podemos concebê-lo de uma outra maneira. No dizer da poetisa Cora Coralina, "não podemos acrescentar dias à nossa vida, mas podemos dar vida aos nossos dias". Mais ainda, podemos descobrir que o tempo é uma oportunidade favorável para a nossa salvação. O tempo é também kairós, ou seja, graça de Deus para nós.